Métodos de seleção granulométrica com foco na resistência à deformação permanente

Jorge Luis Santos Ferreira, Jorge Barbosa Soares, Juceline Batista dos Santos Bastos

Resumo


A granulometria de uma mistura asfáltica tem papel relevante em sua resistência à deformação permanente. Resultados práticos mostram que a simples obediência às faixas do DNIT não garantem resistência a tal defeito. Neste trabalho, avalia-se e compara-se os métodos Bailey e Faixa de Agregados Dominantes (FAD). Ambos buscam fornecer granulometrias com intertravamento adequado para resistir à deformação permanente. Utilizou-se 8 misturas asfálticas produzidas com materiais de diferentes regiões do Brasil. Os resultados mostram que o método FAD pode ser utilizado em fase de projeto para estimar o desempenho de campo das misturas asfálticas quanto ao defeito em questão baseando-se em um único parâmetro granulométrico (porosidade FAD). Por outro lado, dos parâmetros do método Bailey (AG, GAM e FAM), apenas os valores de AG refletem o comportamento mecânico das misturas asfálticas. Os resultados de laboratório e de campo indicam o potencial para aplicação prática do método FAD.

 

MÉTODOS DE SELEÇÃO GRANULOMÉTRICA COM FOCO NA RESISTÊNCIA À DEFORMAÇÃO PERMANENTE


Palavras-chave


Deformação permanente; Flow Number; Seleção granulométrica; Método FAD; Método Bailey

Texto completo:

PDF

Referências


Ahlrich, R. C. (1996) Influence of Aggregate Properties on Performance of Heavy-Duty Hot-Mix Asphalt Pavements. Transportation Research Record: Journal of the Transportation Research Board. V. 1547, p. 7-14. DOI: 10.3141/1547-02.

AASHTO M 323 (2013) Standard Specification for Superpave Volumetric Mix Design.

Cunha, M. B. (2004) Avaliação do Método de Bailey de seleção granulométrica de agregados para misturas asfálticas. Dissertação de Mestrado, Universidade de São Paulo - EESC, São Carlos, SP.

DNER ME 035 (1998) Agregados – determinação da abrasão “Los Angeles”. Rio de Janeiro, RJ.

DNIT ES 031 (2006) Pavimentos flexíveis – Concreto asfáltico. Rio de Janeiro, RJ.

Ferreira, J. L. S. (2015) Melhoramento da resistência à deformação permanente de misturas asfálticas pela escolha granulométrica a partir da metodologia da faixa de agregados dominantes. Projeto de Graduação. Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, Brasil.

Ferreira, J. L. S.; Bastos, J. S.; Soares, J. B. (2015) Validação da metodologia de faixa de agregados dominantes para avaliação e especificação da granulometria de misturas asfálticas densas. In: XXIX Congresso Nacional de Ensino e Pesquisa em Transportes, Ouro Preto – MG. Disponível em: . Acesso em: 14/04/2016.

Golalipour, A.; Jamshidi, E.; Niazi, Y.; Afsharikia, Z.; Khadem, M. (2012) Effect of aggregate gradation on rutting of asphalt pavements. Procedia - Social and Behavioral Sciences. V. 53, p. 440-449. DOI:10.1016/j.sbspro.2012.09.895.

Greene, J.; Chun, S.; Choubane, B. (2014) Enhanced gradation guidelines to improve asphalt mixture performance. Transportation Research Record: Journal of the Transportation Research Board, Vol. 2456. DOI: 10.3141/2456-01.

Kim, S. (2006) Identification and assessment of the dominant aggregate size range (DASR) of asphalt mixture. Dissertation (Doctor of Philosophy). University of Florida, Gainesville. Disponível em: . Acesso em: 14/04/2016.

Mendes, L. O. (2011) Utilização do Método Bailey para a seleção de agregados em dosagem de misturas asfálticas. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal de Juiz de Fora, MG.

Nascimento, L. A. H. (2008) Nova abordagem da dosagem de misturas asfálticas densas com uso do compactador giratório e foco na deformação permanente. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, RJ. Disponível em: . Acesso em: 14/04/2016.

Roberts, F. L.; Kandhal, P. S.; Brown, E. R.; Lee, D. Y.; Kennedy, T. W. (1996) Hot mix asphalt materials, mixture, design and construction. Maryland, Napa Education Foundation. ISBN-13: 978-0914313014.

Stakston, A. D. e H. Bahia (2003) The effect of fine aggregate angularity, asphalt content and performance graded asphalts on hot mix asphalt performance. WisDOT Highway Research Study 0092-45-98. Disponível em: < minds.wisconsin.edu/handle/1793/6859>. Acesso em: 14/04/2016.

Vavrik, W. R. (2000) Asphalt mixture design concepts to develop aggregate interlock. Dissertation (Doctor of Philosophy). University of Illinois. Disponível em: < https://www.ideals.illinois.edu/.../vavrik_william.pdf >. Acesso em: 14/04/2016.

Vavrik, W. R.; G. Huber; G. Lope e W. Pine (2002) Bailey method for gradation selection in HMA mixture design. Transportation Research Board: Transportation Research Circular Nº E-C044. Disponível em: < onlinepubs.trb.org/onlinepubs/circulars/ec044.pdf >. Acesso em: 14/04/2016.

White, T.; J. Stiady e A. Hand (2002) Quantifying contributions of aggregate characteristics using PURWheel laboratory tracking device. In: Aggregate contribution to hot-mix asphalt performance – ASTM STP 1412, p.1-15. DOI: 10.1520/STP10796S.

Witczak, M. W.; K. Kaloush; T. Pellinen (2002) Simple performance test for superpave mix design. National Cooperative Highway Research Program, NCHRP Report 465.




DOI: https://doi.org/10.14295/transportes.v24i2.1129

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2016 Jorge Luis Santos Ferreira, Jorge Barbosa Soares, Juceline Batista dos Santos Bastos

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

TRANSPORTES (ISSN: 2237-1346) é uma publicação da ANPET - Associação Nacional de Pesquisa e Ensino em Transportes (www.anpet.org.br)

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.