ORGANIZAÇÃO, GESTÃO E FINANCIAMENTO DE SISTEMAS DE TRANSPORTE COLETIVO URBANO

Hostilio Xavier Ratton Neto

Resumo


Mesmo que a montagem institucional da organização, gestão e financiamento dos sistemas de transporte coletivo urbano se revista de características peculiares a cada aglomeração, a observação do funcionamento das estruturas existentes em diferentes cidades do mundo e um subsídio valioso, sobretudo quando se está em busca de soluções que viabilizem e racionalizem a mobilidade nas metrópoles brasileiras. O objetivo do presente artigo é apresentar um breve relato da experiência de alguns países em relação ao assunto. Para cada caso abordado, são enfocados o nível de intervenção do poder público, a constituição da entidade encarregada dos sistemas (quando ela existir), as fontes de recursos destinadas a investimentos em operação e a forma de gestão e integração dos serviços.

Abstract:

Even if the institutional arrangements for the organization, management and financing of urban transportation systems are different for each city in the world, observation from the existing structures is a powerful tool when solutions are reached in order to make mobility within the Brazilian bigger cities more feasible and rational.The purpose of this article is to present an overview from experiences leaded by some countries. Each case shows public policies, urban public transport authorities organization, the financing sources concerned to investments in operation and how service management and integration work.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.4237/transportes.v2i1.329

TRANSPORTES (ISSN: 2237-1346) é uma publicação da ANPET - Associação Nacional de Pesquisa e Ensino em Transportes (www.anpet.org.br)